quarta-feira, 10 de setembro de 2014

3 Filmes - Gary Oldman

O sétimo 3 Filmes é, acreditem se quiser, de outro ator da série Harry Potter. Esse, no entanto, é mais famoso que os anteriores. Nomeado a 1 Oscar, 1 Emmy, vencedor de 2 BAFTA e nomeado a outros 2 e, um dos atores mais injustiçados pela Academia, o 3 Filmes de agora é sobre Gary Oldman!

Apesar de meu primeiro contato com ele ter sido em Harry Potter, descobri ele por outros filmes. E, mais tarde, fui descobrir que ele era o Sirius Black. Desde então, sou um grande fã do ator, cujo qual filmes com eu já vi: Planeta dos Macacos - O Confronto, RoboCop, Conexão Perigosa, trilogia Batman, Kung fu Panda 2, Planeta 51 Os Fantasmas de Scrooge. Na verdade, foi um pouco difícil escolher os 3 filmes do ator, já que esse já fez diversos grandes filmes. Eu ia escolher o Drácula, mas já havia começado a ver, assim como O Profissional. No entanto, não terminei nenhum dos dois filmes e, por isso, decidi escolher outros três, de temas bem diferentes. Vamos a eles:

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

IT'S A TRAP - Estrutura e Especializações da Membrana

As membranas celulares existem em todos os tipos de célula. A membrana plasmática envolve a célula, a limita, e separa o citosol do meio externo.

Estrutura

A membrana plasmática é uma película muito fina que envolve as células, é invisível ao microscópio comum. Apresenta permeabilidade seletiva, além de ser elástica. É composta por uma dupla camada de fosfolipídeos com proteínas.

O modelo aceito hoje sobre a estrutura da membrana é o modelo do mosaico fluído, de Singer e Nicholson. Esse modelo diz que a membrana é formada por uma dupla camada de fosfolipídios, que possuem a cabeça hidrofílica (afinidade com água) e a cauda hidrofóbica (sem afinidade com água). Além disso, as proteínas ficam depositadas nesses lipídios. As proteínas tem movimento livre, e por isso, algumas ficam aderidas ao fosfolipídeo, enquanto outras atravessam a membrana de lado a lado.

A flexibilidade da membrana é dada pelo movimento dos fosfolipídeos, que se movimentam sem perder o contato um com o outro. No entanto, como as proteínas tem movimento livre, elas podem se deslocar em qualquer direção.

Cada tipo de membrana possui suas proteínas específicas. A membrana plasmática apresenta um grande número de proteínas, que podem ser divididos em:
  • Intrínsecas ou integrais - São aquelas que ficam firmemente aderidas aos fosfolipídeos, só podendo ser reparadas pelo uso de detergente. Algumas dessas proteínas são chamadas de proteínas transmembranas, pois atravessam as duas camadas de lipídeos, fazendo saliência nas duas superfícies da membrana.
  • Extrínsecas ou periféricas - São as que são facilmente separadas do lipídeos. Elas se prendem às superfícies internas e externas por diversos mecanismos.

Glicocálix

O glicocálix não é uma camada separada da membrana e, sim, parte dela. O glicocálix envolve a maioria das células animais, e tem como funções: proteção contra agressões físicas e químicas, adesão, reconhecimento celular.

Especializações da Membrana

Junções Celulares

Podem ser de três tipos:
  • Ancoradoras - promovem a aderência entre células
  • Bloqueadoras - impedem o fluxo de moléculas entre as células
  • Comunicantes - formam canais de comunicação

Zonas de Oclusão

Tem como função impedir a passagem de moléculas pelas células.

Zonas de Adesão

Tem como função promover a adesão entre as células. 

Desmossomos

Na face citoplasmática de cada célula, se juntam filamentos de queratina. No espaço intracelular, existem filamentos que promovem a adesão entre as células, atuando como estruturas adesivas.

Junções GAP ou Nexus

São formadas por hexâmeros. Dois hexâmeros de uma célula se juntam com os hexâmeros de outra célula, formando assim uma ponte hidrofílica, promovendo a comunicação entre as células.

Interdigitações

São dobras na membrana de uma célula que encaixam perfeitamente com as dobras de outra célula, provocando a adesão.

Microvilosidades

Eles aumentam a superfície da célula, provocando também um aumento da capacidade de absorção.

Parede celulósica

A parede celular é uma espécie de exoesqueleto que confere proteção e sustentação para uma célula. A parede é formada por microfibrilas de celulose. 

Parede celulósica primária

É aquela presenta nas células vegetais jovens, são elásticas para permitir o crescimento.

Parede celulósica secundária

Presenta nas células vegetais adultas, é mais espessa e rígida.

Plasmodesmos

São pontes citoplasmáticas estabelecidas em células vegetais vizinhas.

IT'S A TRAP - Introdução à Citologia

Citologia é a parte da biologia que estuda a célula, e o que diz sobre suas funções, sua estrutura e sua importância.

Em 1665, o pesquisador inglês Robert Hooke encontrou na cortiça compartimentos vazios que chamou de células. Mais tarde, em 1839, Theodor Schwann estabeleceu que todos os seres vivos eram compostos de células. Em 1858, Rudolf Virchow incrementou nessa ideia, a ideia que toda a célula provém de uma célula anterior, o que explica a continuidade da vida. Essas duas afirmações são o alicerce principal para a teoria celular.

sábado, 23 de agosto de 2014

3 Filmes - Jason Isaacs

O sexto 3 Filmes é mais uma vez com um ator que participou da série Harry Potter! Nomeado a 1 Globo de Ouro, 1 BAFTA e outros vários prêmios menores, o ator da vez é o britânico Jason Isaacs!

Como já mencionado no parágrafo acima, Jason Isaacs é um ator da série Harry Potter. E, foi na saga que comecei a gostar dele, onde ele interpreta genialmente o vilão Lúcio Malfoy, com destaque para os dois filmes finais da saga. Além da saga, poucos foram os outros filmes que vi com esse ator, são eles: Sem Saída, Carros 2, Batman Contra o Capuz Vermelho, onde ele dubla o vilão Ras'al Ghul. Como é um ator que sempre atua como coadjuvante e não ser muito conhecido, foi difícil escolher filmes que ele realmente aparece bem (não queria repetir o que aconteceu com Geoffrey Rush em Munique). Eu até pensei em ver a série Awake para esse quadro, mas preferi escolher três filmes. No entanto, vou assistir a série mesmo assim. Vamos aos filmes:

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

3 Filmes - Helena Bonham Carter

O quinto 3 Filmes também é o primeiro 3 filmes feito com uma atriz. Essa atriz é a minha atriz favorita, que foi indicada a 2 Oscar, 7 Globos de Ouro e 3 Emmys! Essa atriz é Helena Bonham Carter.

Assim como no caso de Alan Rickman, comecei a gostar do trabalho dela por sua participação na franquia Harry Potter, onde ela interpreta a vilã Bellatrix Lestrange. Outros filmes que vi com ela são: Burton e Taylor, O Cavaleiro Solitário, Os Miseráveis, Sombras da Noite, O Discurso do Rei, Alice no País das Maravilhas, Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet, A Noiva Cadáver e Peixe Grande. A atriz tinha uma boa quantidade de filmes que eu poderia ver, e acabei escolhendo três de características diferentes. Vamos a eles:

terça-feira, 5 de agosto de 2014

IT'S A TRAP - Renascimento Artísico

Com a ascensão do comércio, muitas cidades italianas se enriqueceram. E, com isso, começaram a investir e patrocinar obras artísticas. É esse o motivo que dá à Itália o nome de berço do Renascimento. Além da ressurreição da cultura greco-romana, aconteceram várias realizações em outros campos. A mudança de pensamento logo afetou grande parte da Europa. Pensamentos humanistas, antropocentristas, hedonistas começaram a ferver. Logo nas artes, tal humanismo e naturalista foram adotados, além do rigor científico e valorização do conhecimento e inteligência.

IT'S A TRAP - Arte Gótica (Completo)

A arte gótica aconteceu por causa de mudanças no período: o comércio começou a se desenvolveu, a população rural começou a se locomover para as cidades, criando uma pequena classe burguesa. A arte se comprometia a mostrar a volta do refinamento da população européia. As principais características são a ornamentação e recato na pintura, estrutura e arquitetura, o alongamento e a verticalidade das formas, além da presença da harmonia divina.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

IT'S A TRAP - Ácidos Nucleicos

Ácidos Nucleicos

Ácidos nucleicos são
compostos orgânicos de natureza ácida encontradas no núcleo das células. Quando descoberto, recebeu primeiramente o nome de nucleína. Depois, foi percebido que esses materiais se apresentam nos cromossomos de todas as células de todos os seres vivos e até mesmo dos vírus. Por sua natureza ácida, começou a ser chamado de ácido nucleico.

Os ácidos nucleicos são polímeros de nucleotídeos. Os nucleotídeos são formados por três moléculas: pentose, fosfato e bases nitrogenadas. As bases nitrogenadas podem ser púricas ou pirimídicas. Sendo que as púricas são adenina e guanina e, as pirimídicas são citosina, timina e uracila. Os ácidos nucleicos conhecidos são o ácido ribonucleico (RNA) e o ácido desoxirribonucleico (DNA). O DNA e RNA se diferenciam em uma das bases, já que enquanto o DNA apresenta timina, o RNA apresenta uracila. Além disso, eles se diferenciam na função e na localização celular. Outra diferença marcante é que o filamento do RNA é simples, enquanto do DNA é duplo, em forma de uma escada.

terça-feira, 15 de julho de 2014

IT'S A TRAP - Vitaminas

As vitaminas são compostos orgânicos necessários para o bom funcionamento do metabolismo, e trabalham como coenzimas, ativando enzimas. No entanto, vale lembrar que as vitaminas não são sintetizadas pelo organismo e, apenas as adquirimos conforme nossa dieta alimentar. Além disso, não possuem função energética, como os carboidratos, lipídios e proteínas.

Algumas vitaminas são encontradas na natureza em forma de provitaminas, uma forma percursora e ainda não ativa. Quando se há carência total de vitaminas, entra-se no estado de avitaminose. Também existe o estado hipovitaminose, o estado onde a pessoa possui uma carência parcial de vitaminas. Além disso, existe a hipervitaminose, que é o excesso de vitaminas.

De acordo com a solubilidade, as vitaminas são divididas em dois tipos:

  • Hidrossolúveis - Vitaminas do Complexo B, vitamina C e vitamina P. Essas vitaminas não são acumuladas por nosso corpo. 
  • Lipossolúveis - Vitamina K, vitamina E, vitamina D, vitamina A. Essas vitaminas são acumuladas pelo nosso corpo.

IT'S A TRAP - Proteínas

Protídeos são substâncias formadas por carbono, oxigênio, hidrogênio e nitrogênio. Os mais complexos são as proteínas e os mais simples são os aminoácidos.

Proteínas

Proteínas são macromoléculas de alto peso molecular, graças a concentração de aminoácidos. As proteinas podem ser divididas em:
  • Não essenciais: São produzidos pelo homem
  • Essenciais: Não são produzidos pelo homem
Para uma proteína ter um maior valor nutricional, ela precisa de aminoácidos essenciais. Na natureza, podemos encontrar 20 tipo de aminoácidos. A diferença entre esses aminoácidos está no radical, o chamado grupamento R.

Na molécula. os aminoácidos são ligados por ligações peptídicas. Para a formação de um dipeptídeo, é necessário que haja uma desidratação, isto é, quebra de uma molécula de água. Por outro lado, a hidratação desfaz a ligação peptidica. Quando se fala em peptídeo, se fala em uma cadeia pequena, de cerca de 100 aminoácidos. As proteínas designam uma cadeia de muitos aminoácidos, e por isso são polipeptídeo.

segunda-feira, 14 de julho de 2014

IT'S A TRAP - Artrópodes

E, no segundo It's a Trap de Biologia teremos o maior filo do Reino Animalia, que possui mais de 1.000.000 espécies. De 10 animais no mundo, 7 são artrópodes. E, também veremos as suas classes!

Como eu já disse, os artrópodes possuem o maior número de animais conhecidos. Eles são animais adaptados pra todo tipo de ambiente: ar, terra, solo, água salgada, água doce. Alguns possuem organizações sociais, onde são divididos em castas, onde cada um tem uma função, como por exemplo as formigas, as abelhas e os cupins. Possui tubo digestório completo, com boca e ânus. Possuem glândulas digestivas anexas, fazendo com que assim consigam mais alimento em menos quantidade de tempo. Também possuem apêndices multiarticulados, que ajudam na movimentação e na alimentação.

IT'S A TRAP - Reino Animalia

Bom, o primeiro post de Biologia vai ser bem longo, e vai falar sobre o Reino Animalia e dois filos de invertebrados de tal reino. OBS: Seguindo a apostila.

O Reino Animalia possui como características gerais o fato de serem heterotróficos (não produzirem o próprio alimento), são pluricelulares (possuem mais de uma célula), são eucarionte (possuem carioteca, entre outros) e possuem a presença do estágio gastrular, que é a formação de folhetos embrionários, que originam os demais tecidos. O único filo que não possui esse estágio é o filo Porífero, o único filo que não possui nenhum tipo de tecido.

No Reino Animalia, podemos encontrar organizações simples, como as das esponjas, enquanto outras são mais complexas, como a dos mamíferos. No Reino Animalia, os Cnidario são os únicos que apresentam apenas dois folhetos e, por isso são os únicos diblásticos. Os outros filos apresentam três folhetos, sendo chamados de triblásticos. Esses triblásticos podem ou não apresentar uma cavidade corporal, os celomas. Aqueles que apresentam celomas, são conhecidos como celomados, enquanto aqueles que não apresentam, são chamados de acelomados.  Os animais acelomados apresentam tubo digestório incompleto, tendo apenas boca. Enquanto isso, os chamados pseudocelomados apresentam boca e ânus (ex: nematelmintos). Falando na morfologia, as esponjas são animais assimétricos, enquanto os cnidários e os equinodermes apresentam uma simetria radial. No entanto, a maioria dos animais apresenta simetria linear, simetria onde se pode separar os lados direito e esquerdo.

sexta-feira, 11 de julho de 2014

IT'S A TRAP - Texto Narrativo: No Dia em que Perdi a Cabeça

Antes de começar o texto, tenho que avisar que esse texto foi escrito por mim, baseado na primeira temporada de Game of Thrones, com leve alterações. Vale lembrar que não li nenhum dos livros da serie. Bom, vamos ao texto:

quinta-feira, 3 de julho de 2014

3 Filmes - Chow Yun Fat

E, mais rápido do que nunca, estou para anunciar o quarto ator do 3 Filmes, que é o meu ator oriental favorito, vencedor em várias premiações no cinema asiático. O quarto ator do 3 Filmes é Chow Yun-Fat.

Comecei a gostar dele por seu trabalho em Piratas do Caribe: No Fim do Mundo, onde ele interpreta Sao Feng e o admirei ainda mais por sua interpretação de Confúcio no filme A Batalha Pelo Império. Outros filmes que ele participa e que já vi são O Tigre e o Dragão, Conspiração Xangai e Dragon Ball Evolution. Esse ator foi um em que eu fiquei em dúvidas em qual filme escolher, mas acabei escolhendo dois bem parecidos e, um maias diferenciado. Vamos aos filmes:

terça-feira, 1 de julho de 2014

3 Filmes - Alan Rickman

Bem mais rápido que o último, a terceira parte do 3 filmes vai com o meu ator favorito. Vencedor de 1 Globo de Ouro, 1 Emmy e indicado a outro, e pré-indicado a Melhor Ator Coadjuvante do Oscar 2013, o terceiro do 3 Filmes é Alan Rickman.

Sou fã dele graças ao trabalho em Harry Potter. Os outros filmes dele que também vi são O Golpe Perfeito, Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da rua Fleet, Alice no País das Maravilhas, O Filho do Prêmio Nobel e Quase Deuses. Alan Rickman foi até agora, o ator com mais opções de filmes para ver, e entre tantas opções, três foram escolhidas. Elas são:

quinta-feira, 26 de junho de 2014

3 Filmes - Geoffrey Rush

Depois de um tempo relativamente grande, consegui fazer o 3 Filmes do próximo ator. E, o da vez é um ator que já trabalhou bastante com Depp. Vencedor de 1 Oscar, 1 Globo de Ouro e 1 Emmy, o segundo ator é Geoffrey Rush!

Me tornei fã de Geoffrey Rush pelo seu trabalho em Piratas do Caribe e, isso só aumentou com O Discurso do Rei, A Melhor Oferta, A Menina que Roubava Livros. Além desses, também já vi com ele Lanterna Verde, Ned Kelly e O Caminho do Guerreiro.

sábado, 21 de junho de 2014

HQ - O Cavaleiro das Trevas #23

A HQ O Cavaleiro das Trevas 23 finalmente dá a conclusão da pequena (e inútil) saga do Cara de Barro. A HQ não demonstra grandes lutas, nem um grande roteiro, mas demonstra algumas boas aparições de personagens e, algumas citações bem interessantes.

A HQ começa nos mostrando como é fácil pro Cara de Barro fazer qualquer coisa, se usar a inteligência. Enquanto acontece uma "expedição" pela bolsa de valores de Gotham, Cara de Bairro se espreita por de baixo de um dos cofres, assumindo outra forma e gritando por ajuda. Quando as portas são abertas, ele ataca e chama seus companheiros de assalto. E, quando eles terminam o trabalho do quebra-quebra, Cara de Barro usa sua estratégia: os bandidos contratados por ele são mercenário de gangues rivais e, logo depois de eles realizarem o trabalho, Cara de Barro os mata usando, hã, espinhos de barro (?!).

terça-feira, 17 de junho de 2014

3 Filmes - Johnny Depp

Enquanto na procura de algum filme para ver, decidi começar a fazer algo nessas férias: pegarei meus atores favoritos e, assistirei 3 filmes deles. 3 filmes esses, que nunca assisti antes.

O primeiro desses atores foi Johnny Depp.

quarta-feira, 11 de junho de 2014

HQ - Batman #23

É importante saber que o capítulo todo é baseado em uma metáfora com relação a uma ocasião onde aparentemente Bruce caiu num buraco e, seu pai o ajuda, depois de algumas dificuldades. E, é por meio de uma relação metafórica, que vemos um zonzo Bruce apanhando de algumas ferramentas encontradas em sua própria casa. O interessante é que essas ferramentas deveriam ser mortais e, que Bruce, na época, já deveria ter um grande conhecimento e habilidades corporais, nos fazendo refletir como ele apanhou tanto. Talvez por causa do fogo? Talvez, mas mesmo assim não é algo fácil de entender...

Ouvimos então o relato do líder do Capuz Vermelho, que diz que a morte dos pais de Bruce o inspiro. Da onde sai uma ótima frase, dita por esse*: "No fim das contas, o que as pessoas temem é o nada, Bruce. A aleatoriedade. O centro vazio. Se você olha demais pra ele e tenta entender, acaba ficando louco. Tudo o que se pode fazer é ter medo e sobreviver. Essa é a verdade." E, é assim que ele deixa Bruce na casa prestes a desabar, mas não antes de dar dois tiros na foto dos pais de Bruce. Tiros esse que ele considerou "simétrico". 

domingo, 8 de junho de 2014

HQ - O Cavaleiro das Trevas #22

A edição 22 de O Cavaleiro das Trevas conta agora com uma arte e desenhos mais desleixados, com linhas mais firmes e figuras menos ornamentadas, diferentemente das anteriores. Com o fim da ótima saga que contava a história do Chapeleiro Louco, a HQ volta a situação normal de histórias menores e, digamos, "cotidianas" (pelo menos pro Batman).

Iniciando com a narração de um capturado Gordon, que reflete quanta desgraça Gotham já trouxe pra ele (referências da morte de seu filho, divórcio e sua filha paraplégica), a edição conta uma história simples, quando Cara de Barro captura Gordon e, usando sua aparência, mata bandidos contratado por ele mesmo. Mas, Batman chega a tempo e, não deixa a reputação de Gordon ser manchada. 

sexta-feira, 6 de junho de 2014

HQ - Batman #22

A HQ Batman 22 conta com uma capa variante sensacional (foto ao lado), que ilustra bem o objetivo dessa saga do morcego nas Novos 52, que tem o objetivo de contar a origem do Batman. 

Essa saga é uma saga bem morna, mas com alguns bons momentos. Se por parte ela conta uma história que parece não muito interessar, que destaca um grupo de bandidos conhecidos como capuz vermelho - grupo esse que se relaciona a origem do Coringa em A Piada Mortal -, a saga apresenta lindos desenhos de Greg Capullo.

Nessa HQ, o que se destaca, na minha opinião, é a parte da relação do Alfred com o Bruce, uma relação que nunca foi perfeita, mas que percebemos que evoluiu com o passar do tempo. É nessa HQ que podemos ver o Alfred dando um tapa na cara do Bruce (é sério!)! Além disso, a saga tende a mostrar como o Bruce é realmente sozinho, visto que, o tio que dá apoio a ele, na verdade, é o que quer matá-lo. E, é também nessa HQ que ele descobre isso, por meio do seu primeiro encontro com Edward Nygma, o Charada. Essa, inclusive é a melhor parte da HQ. O confronto dos dois é mostrado na frente de uma esfinge no museu, e boa parte dela é demonstrada de uma forma tanto quanto diferente, deem uma olhada:

segunda-feira, 2 de junho de 2014

IT'S A TRAP - Cultura e Humanização

  Depois de entender o conceito de cultura, sua diversidade, singularidade e individualismo, é hora de entender a relação dela com a humanização. 
  Exemplos da ficção como Tarzan, George, o rei da Floresta, Mogli, entre outros nos mostra que os seres humanos se desenvolveram mesclando sua racionalidade humana com valores e hábitos aprendidos no crescimento. Os instintos se sobressaem, por causa do contato com os animais, mas a humanidade nunca se perde.
  Sabendo disso, chega-se a conclusão que o que nos faz humano não é a natureza e, sim, a cultura, ou seja, nosso modo de criação e o local que nos circunda. Se a nossa diferença para os animais parece ser a racionalidade, a antropologia diz que tem mais: nós fazemos com que a natureza esteja nosso favor, temos consciência e, mais que tudo, desenvolvemos uma linguagem simbólica. Resumindo: não basta nascer humano, para as características humanas prevalecerem 100% é preciso ter contato com humanos, isso significa que, a formação de qualquer indivíduo está relacionado com a sua convivência com seus semelhantes. E, claro que quanto mais convivência e experiência, mais valores morais você aprende. 
  No entanto, se sabemos que para ser humanizado, a pessoa deve viver em sociedade e ter contato com outros seres iguais, o que impede uma abelha e uma formiga serem "humanizadas"? Não é tão difícil: eles não produzem cultura, não tem comunicação, aprendizado ou socialização.

IT'S A TRAP - Cultura

  O primeiro impulso científico no estudo sobre cultura veio numa época pós-expansão marítima e com o imperialismo, por causa de relatos de navegadores, que por viajarem pelo mundo, entravam em contato com outras culturas. Influenciado por Darwin, os cientistas acreditavam que a cultura era determinado por fatores geográficos e biológicos, tais como a raça e a genética. Mas, com o tempo, foi se separando o fator biológico de coisas que pessoas aprendem, até que Edward Tylor deu a seguinte definição de cultura: "Cultura é o todo complexo que inclui conhecimentos, crenças, arte, oral, leis, costumes ou qualquer outra capacidade ou hábitos adquiridos pelo homem enquanto membro de uma sociedade." Resumindo, cultura são os conhecimentos, artes, crenças em comum que as pessoas compartilham quando interagem. A partir daí, começou-se a entender a diversidade humana por um fator cultural e não biológico.

  Quando nascemos, somos colocados em um mundo de regras do que podemos ou não fazer. Quando crescemos, vamos conhecendo opiniões e gostos de outras pessoas. Então, nos identificamos ou rejeitamos tais gostos. Assim, basicamente que vamos formando nossas opiniões e, criando uma individualidade. A individualidade está relacionada a cultura pois nós conseguimos valores e opiniões pelo jeito que nós entendemos o mundo.   
   No mundo atual, a antropologia considera a cultura como um sistema, em que há um significado, simbologia e sentido. Ou seja, cada cultura é diferente da outra pois cada uma é singularizada. Por exemplo, posso gostar da mesma música que você, mas tal música tem um significado pra mim, que é diferente pra você.
  Já que cada cultura entende e interpreta o mundo de forma diferente, o papel e o objetivo da antropologia é analisar a cultura e sua diversidade na sociedade humana.

IT'S A TRAP - Ciências Humanas e as Ciências Sociais

O primeiro post sobre Sociologia faz uma análise sobre as diferenças entre Ciências Huamanas e Sociais e Ciências Naturais e Exatas.

   Sem dúvidas, um dos períodos mais positivos para o pensamento científico foi na épica entre o século XVII e XVIII, onde ocorreram várias Revoluções, como a Científica e a Industrial. Desde então, o ser humano começou a pensar em uma forma de controlar e entender os fenômenos naturais e os males do corpo humano, com um objetivo social. Foi então que foram surgindo ciências que colocavam o próprio sujeito observador em observação, ou seja, o humano que estudava estudava a si mesmo e, aos outros humanos. Com ciências como a História, Psicologia, Geografia, Linguística, as Humanas, que a sociedade começou a ser objeto de reflexão. Já as sociais, investigam as dinâmicas humanas. Sendo elas, a Antropologia, Sociologia, Ciência Política.
   No entanto, as duas podem ser "classificadas" no mesmo grupo, pois elas buscam interpretações, elas possuem subjetividade, parcialidade e multicausalidade na hora de analisar e estudar. Além disso, ambas tem como o objeto de estudo fenômenos culturais e políticos.
   O grupo rival é o grupo das Exatas. Quando se iniciou o pensamento científico e, brevemente a ciência teve mais influência que a Igreja, começou a se tratar tudo que a ciência dissesse, como um saber, superior a qualquer crença. Pois aí que está o lance das Naturais e Exatas: elas tem respostas objetivas. Elas tem respostas exatas. Não precisa de interpretação, nem do fator psicológico. Uma pessoa com mau caráter e a melhor pessoa do mundo chegam a conclusão que 2 + 2=4, diferente das Sociais, onde cada um teria uma interpretação sobre algum assunto.  Por isso, podemos afirmar que o objetivo das ciências naturais e exatas é o estudo dos fenômenos da natureza para buscar a exatidão. 
   Mas, nem sempre as duas foram separadas. Antigamente, as Ciências Humanas também buscavam a exatidão, buscavam a objetividade. Por isso, a primeira escola de pensamento sociológico, conhecida como Positivismo (fundada por Auguste Comte), foi influenciada por uma idéia de verdade absoluta. 
   Mas, logo com o tempo, foi percebendo-se que o estudo das Humanas é bem diferente do das exatas. E, assim, interpretações de diversos pensadores foram aparecendo. Afinal, nas Ciências Humanas e Sociais não é possível chegar a conclusão de algo num laboratório e, sim observando os fenômenos sociais.

quarta-feira, 28 de maio de 2014

IT'S A TRAP - Arte Gótica (Introdução)

A chamada Arte Gótica aconteceu simultaneamente com a românica e bizantina, mas com algumas características que se diferenciaram. Ela foi marcada pela ascensão do comércio, que fez assim um movimento de rural para urbano, criando assim a burguesia. Na arte, eles procuravam representar o mundo real e, quando faziam a renovação das formas para  representar uma harmonia divina, eles usavam características humanas. Eles tinham como objetivo mostrar a volta do refinamento na população europeia, e tinha como principais características:

  • Uma grande verticalidade;
  • Maior elegância;
  • Maior feminilidade
O homem na época, era mais elegante por influências diretas da senhora feudal.
Uma das características presente na arte era o amor gótico, que é conhecido como um amor platônico.
Na pintura são conhecidos por mostrarem pessoas com muitas roupas. Também possuíam artistas em grande quantidade que trabalhavam em iluminuras. Na escultura, havia o naturalismo e valorização humana. Na arquitetura, ficaram famosos pelo uso de menos paredes, e por criarem "macetes" para deixar o ambiente mais iluminado.

OBS: Nas palavras do professor: gótico não é aquele pessoal que se veste de preto, anda em cemitério e ouve rock. Isso é outra coisa.



terça-feira, 27 de maio de 2014

IT'S A TRAP - Arte Medieval (Românica e Bizantina)

A Arte Medieval começa, obviamente com a Idade Media e, vai até o Renascimento. Ela é marcada por uma mudança radical nas artes: o fim do naturalismo, da harmonia e equilíbrio humano, causado principalmente pela mudança do tema das artes. Foi nessa época que o cristianismo triunfou sobre o paganismo, se espalhando de forma grandiosa, atingindo todas as áreas. Foi na época que a igreja começou a ter o poder absoluto, na maioria das vezes mandando em artistas, que não tinham livre arbítrio. O problema é que a igreja muitas vezes era corrupta, já que muitos procuravam empregos clericais só por causa do dinheiro. Foi também nessa época que aconteceram várias peregrinações, que tinham o intuito de expandir a fé, a filosofia e a ideologia cristã para outros lugares, por meio da arte.

Bizantino

Os bizantinos são os romanos que fugiram para bizâncio por estarem sofrendo diversas invasões islâmicas. Eles continuaram a usar a linguagem grega e, vários outros traços da cultura greco-romana. Suas artes se relacionavam a Europa feudal e, tinha por objetivo demonstrar as autoridades absolutas de seus líderes, que eram "enviados de Deus na terra".

Românico

O período românico foi marcado pelo desaparecimento da cultura clássica romana, já que agora a Igreja tinha espalhado a autoridade: artistas não tinham autonomia e a educação agora era eclesiástica.

Pintura Românica

Usavam em grandes quantidades a técnica do afresco, eram muralistas e faziam iluminuras, isso é, ilustrações de livros sagrados. Não existia a preocupação com tonalidade, harmonia, equilíbrio por eles estarem representando um mundo espiritual. A pintura era mais focada em histórias bíblicas, assim como o mundo espiritual e a alma.

Pintura Bizantina

Popularizaram a arte do mosaico, e assim como a românica, eram muralistas. Os temas eram sempre os temas bíblicos e, muitas vezes os seus líderes e pessoas importantes eram representados com auréolas em cima da cabeça, para demonstrar sua importância no mundo espiritual. Eles realizavam a pintura policromada, e assim como a românica, perderam a preocupação com naturalismo. Usavam muito da frontalidade.

Escultura Românica

Era ligada a arquitetura, já que era feita nas mesmas pedras da arquitetura. Ou seja, decoravam colunas e paredes com esculturas. O exagero nessas esculturas vinham por meio da esterilização e da expressividade do ser humano.

Escultura Bizantina

Assim como a românica, era ligada a arquitetura, e apresentavam colunas decoradas principalmente com arabescos (formas geométricas onduladas com semelhança com plantas). O exagero também vinha na expressividade dos humanos. Além disso, a escultura costumava ser mais geometrizada.

Arquitetura Românica

A arquitetura era focada nas igrejas, que eram grandiosas e protegidas. Como era a casa de Deus, ela deveria ser grandiosa, para honrá-lo. Enormes portões e muros as rodeavam. Além de honrar Deus, tal grandiosidade vinha da "mania" romana de criação de coisas colossais e o fator de proteção. Fizeram uma junção das colunas decorativas com os arcos e, com o uso de abóbadas. As igrejas tinham um detalhe curioso: sua planta era em formato de cruz. As construções tinham vários arcos que pareciam janelas, mas que eram fechados. Enquanto isso, as janelas eram raras e altas aberturas, sempre visando um possível ataque. Outra característica das igrejas era o exterior simples, e o interior riquíssimo. Esse contraste vinha da crença de que um ser deveria ser simples por fora, mas rico de virtudes por dentro.

Arquitetura Bizantina

A arquitetura bizantina tinha quase todas as características da românica, assim como janelas rasas, interior requintado e exterior simples, o uso de colunas, arcos, abóbadas, etc. A maior diferença vem do fato dos bizantinos começarem a usar vitrais, para decoração e muitas vezes para ilustrar histórias bíblicas. 

segunda-feira, 26 de maio de 2014

IT'S A TRAP - Arte Clássica

O período conhecido como o período da Arte Clássica é também conhecido como Greco-Romano, obviamente, pelas grandes presenças das duas potências na Arte. Foram deles que surgiram o anfiteatro, a democracia, as universidades, etc. Eles eram politeístas, e seus deuses, diferentemente dos egípcios, tinham aspectos humanos, não só a aparência, mas também sentimentos como raiva, desejo, inveja, etc.


Grécia

Procuravam manter a dignidade do ser humano, com harmonia e equilíbrio. Para a Grécia, um homem tinha que ter o equilíbrio entre corpo e alma. Ele tinha que ser "perfeito" tanto fisicamente quanto mentalmente e, assim deveriam ser retratados. Por isso, o homem da época era retratado como um atleta e, ao mesmo tempo, intelectual. O líder era um descendente de deuses. Na Arte, suas obras representavam os seus deuses, batalhas, guerras, tudo em um plano mitológico e espiritual.

Roma

Diferentemente da Grécia, Roma representava na arte os seus líderes, os seus imperadores. O motivo é simples: Roma foi um império ganho por incríveis batalhas, lideradas pelos seus imperadores. A maioria de suas construções eram prédios públicos, por causa da grande população que Roma tinha. Contribuíram com o arco e com a abóbada. Roma também tinha uma enorme mania de grandeza. Ou seja, tudo tinha que ter um tamanho colossal. Diferentemente novamente da Grécia (que usava colunas para sustentação), Roma usava as colunas para decoração e, também muitas vezes para fazer esculturas de batalhas nelas, que serviam de propaganda política e eram colocadas nas entradas das cidades.

Pintura Grega

Deve-se destacar que a pintura era a arte menos valorizada pelos gregos. As pinturas eram feitas principalmente em vasos, pois eles eram fáceis de guardar, e além disso poderiam ser passado hereditariamente, fazendo com que as pinturas não se perdessem como se perdiam caso fossem pintadas em paredes. Os temas das pinturas, assim como todas as outras artes era a mitologia e, o mundo espiritual, e todo trabalho representava um Deus. Eles tinha um padrão de pintura que consistia na pintura de figuras claras sobre um fundo escuro, criando um contraste. 

Porém, as figuras não eram naturalistas. Os gregos pensavam que já que eles representavam um mundo que não é real, não devia ser natural. Por isso, usavam uma técnica chamada de "ilusionista". Já que usavam apenas uma cor, com diferentes tons, eles usavam "ilusões", como luz, sombra, perspectiva para deixar a pintura mais atraente. Além da falta de naturalismo, havia também o fato de as figuras humanas serem geometrizadas, pelo mesmo motivo: se tratavam do mundo espiritual. Então, não há necessidade de realismo.

Pintura Romana

Usavam principalmente a técnica do afresco, que é a pintura na massa ainda fresca, utilizada principalmente em paredes. Nas paredes, os romanos costumavam pintar painéis que imitavam janelas, e continham paisagens e cenas do cotidiano, como se realmente fosse uma janela.

Ao oposto da grega, a pintura romana se preocupava com o realismo, pois mostrava o mundo real. Na pintura, eles também realizavam uma tentativa de perspectiva. Também usavam muito a arte do mosaico.

OBS: Quando se tem atualmente pinturas de três mulheres, a pintura tem um significado de tentar reviver a arte clássica.

Escultura Grega

A escultura grega representava os seus deuses como homens. E, como acreditavam que o homem era o modelo de tudo, ele era retratado em sua "plena forma", ou seja, nu. Então, se vemos uma escultura que apresenta seres musculosos e nus, podemos ter certeza que são gregas. E, como a representação era de deuses, eles eram super naturalistas e realistas e, retratavam-os sem imperfeições. A fuga da realidade nas esculturas gregas se davam ao fato dos deuses. terem uma musculatura exagerada. Mas, é importante ressaltar que se homens comuns fossem retratados em esculturas, eles teriam uma musculatura normal, sem exageros. 

As esculturas eram feitas em mármore, madeira, marfim.

Escultura Romana

Ao oposto da grega, os romanos retratavam seres com roupas. Já que representavam seus líderes e pessoas públicas, a nudez seria uma espécie de vergonha pra eles. Por isso, o nu foi proibido, apesar da adoração dos romanos sobre a arte grega. Assim como o grego apresentava equilíbrio entre corpo e mente, além de harmonia e simplicidade. As suas representações de figuras públicas eram totalmente fiéis, com apenas uma exceção. Essa exceção era a única fuga do realismo: quando a aparência de seus líderes não correspondia aos modelos romanos, elas eram alterados. Ex: Se um imperador fosse muito baixo, ele era retratado mais alto.

Foram os primeiros a usarem as esculturas em painéis, para criar narrativas de batalhas e conquistas, entre outros feitos militares.

Arquitetura Grega

A arquitetura da Grécia estava ligada em grande parte a construção de templos, para cultuar os deuses. Tais templos eram construídos em pedra sobre pedra, criando assim vários andares, com colunas para sustentá-las. Daí vem talvez o aspecto mais marcante da arquitetura grega: o uso em grande escala de colunas para sustentação. Além de colunas para sustentação, os templos tinham bases retangulares e tetos triangulares, para que o peso batesse e caísse pelos lados. Nesses tetos, costumavam ter esculturas que narravam histórias de batalhas e heróis mitológicos. Outro aspecto da arquitetura eram os teatros, que eram construídos de formas circulares e, apoiados em encostas.

Os gregos construíram três formas de colunas:
  • Dóricas, usados em construções militares. Dóricas não precisavam ser decorados, pois tinham o único intuito de sustentação;
  • Jônicas, usados em construções públicos. Apresentavam volutas nas partes superiores, com decoração para baixo;
  • Coríntias, usada em palácios. Eram as mais ornamentadas, mais esguias.
OBS: Apesar de ter sido criada pela Grécia, a coríntia foi mais usada pelos romanos.

Arquitetura Romana

A arquitetura romana se baseava na construção de edifícios públicos, para sua enorme população. Diferente do teto triangular da Grécia, a arquitetura romana tinha um teto circular, constituído principalmente das abóbadas. Talvez o maior avanço na arquitetura feito pelos romanos foram os arcos, que eram feitos para distribuir os pesos. Se os gregos usavam colunas para sustentação, os romanos as usavam apenas para decoração, exposição de esculturas e, propaganda política. As construções costumavam ser feitas por massa e pressão.

Uma das maiores contribuições romanas foi a criação dos anfiteatros, que abrigavam enormes quantidades de pessoas. Além disso, também havia grandes criações de pontes e aquedutos, estruturas que transportam água de um ponto a outro.

OBS: A arquitetura romana era colossal. Tanto anfiteatros quanto prédios públicos tinham tamanhos gigantescos.

quarta-feira, 21 de maio de 2014

IT'S A TRAP - Expansão Marítima e Comercial

 Com crises econômicas, social e políticas, e com a queda da população, os governos europeus buscavam alguma solução. Tal solução era procurar em outros lugares, recursos e conhecimentos. Foi assim que surgiu a Expansão Marítima, que vinha com a necessidade de produtos orientais, principalmente as especiarias (cravo, canela, pimenta).
  Além de conseguir novas terras e, produtos, os principais objetivos da expansão eram: encontrar uma nova rota para as Índias e, eliminar o intermediário, ou seja, quebrar o monopólio das cidades italianas (sendo as principais Gênova e Veneza).
  Tal ação foi apoiada por todas as castas sociais, que tinham como objetivos:

  • Burguesia: novas rotas comerciais, novas formas de comércio e novos produtos.
  • Clero: expansão da fé católica e novas terras
  • Nobreza: novas terras e mais capital
  • Rei: mais terras e, expansão de seu poder e de sua influência.

Portuga

  O país que apresentou pioneirismo na expansão foi Portugal. Tal pioneirismo tem diversos motivos, sendo os principais:
  • Boa posição geográfica;
  • Precoce centralização política, a Revolução de Avis. Isso foi muito importante porque apenas um estado absolutista com poder centralizado poderia possuir e render capital para investir em uma ideia tão cara quanto à Expansão Marítima;
  • Tradição náutica. Portugueses já tinham experiências náuticas, por meio da pesca do bacalhau, entre outras atividades;
  • Escola de Sagres: reuniões de marinheiros com o objetivo de trocas de informações.
  Considera-se que a burguesia comercialista tenha sido a principal "investidora" da Expansão, já que eram a maioria e, apresentavam interesses econômicos muito grandes.
  A primeira conquista de Portugal foi Ceuta. Após a conquista de Ceuta, Portugal foi conquistando várias outras regiões por meio do seu plano, o chamado Périplo Africano. O plano dizia que para chegar até as Índias, os marinheiros portugueses circundariam a África. No caminho, é claro, conquistavam alguns territórios e, abriam novas rotas comerciais, muitas vezes abrindo portos, da onde a saída de barcos e entrada de produtos eram obrigatórios. Foi também fazendo colônias que, Portugal enriqueceu mais, já que encontrou em diversos países, novas fontes de metais preciosos. O encerramento do plano de Portugal se deu em 1500, com a descoberta do Brasil por Pedro Álvares Cabral.

Espanha

  O segundo país a aderir a Expansão foi Espanha. Tal processo espanhol foi retardado por causa da Guerra da Reconquista, que só acabou em 1492, com o domínio espanhol sobre Granada, o último reino muçulmano. Foi após a devida centralização que o rei aceitou o projeto de Cristóvão Colombo. Tal projeto dizia que a terra era redonda e, que ele chegaria ao Oriente indo pelo Ocidente, fazendo assim uma volta ao mundo. No entanto, no mesmo ano, Cristóvão Colombo chegava a América, acreditando ter chegado à Ásia.

  O domínio dos dois países (Portugal e Espanha) na América ocasionou alguns desentendimentos sobre territórios. Para resolvê-los, foi assinado o Tratado de Tordesilhas, que dividia o mundo entre as duas nações ibéricas. 

França e Inglaterra

  Muito mais tardiamente, França e Inglaterra se "jogaram" ao mar para procurar uma nova rota às Índias, falhando miseravelmente. Já que ignoravam o Tratado de Tordesilhas, por achá-lo injusto, por dividir o mundo apenas pros dois países, França e Inglaterra chegaram as Américas e, colonizaram. França colonizou algumas partes do Brasil, enquanto a Inglaterra colonizava a América do Norte.

  Pelo fracasso do principal objetivo: a rota para as índias, esses países se viram realizando cada vez mais atividades envolvendo piratas e corsários, além do forte contrabando.

OBS: Piratas não representam países. Corsários sim.





João Krauss

terça-feira, 20 de maio de 2014

IT'S A TRAP - Reforma e Contra-Reforma

  O Absolutismo, a Centralização, o Renascentismo, caracterizado principalmente pelo racionalismo criou mudanças na forma do homem de pensar e, ver as coisas a seu redor. Foi por meio de um pensamento mais "humano" (se é que podemos pensar assim), que a Reforma aconteceu.
  Num contexto de críticas á Igreja, sendo elas principalmente relacionadas à venda de indulgências, venda de relíquias sagradas e simonia (venda de cargos religiosos), aconteceram várias reformas. As principais serão citadas aqui:

Reforma Luterana

  Na Alemanha, a Igreja possuia a maior parte das terras do país. O monge agostino Martinho Lutero era conhecido por escrever diversas críticas à Igreja. Mas, o ápice foi quando a Igreja aumentou cada vez mais o nível de simonia para arrecadar fundos para a construção da Basílica de São Pedro, em Roma. Lutero escreveu as 93 teses, que eram leis que diziam o que deveria ser mudado na Igreja. Por causa de tal, Lutero foi excomunhado. No entanto, ele recebeu apoio de vários príncipes alemães, que tinham como objetivo recuperar suas Terras.
  Baseado nas 93 teses, Luterano criou a Igreja Protestante, que possuia os seguintes princípios:
  • Fé como fonte de salvação; 
  • Tradução da bíblia e de cultos;
  • Livre interpretação da bíblia;
  • Fim do celibato clerical;
  • Fim da adoração de imagens
  Após a criação, o "Luteranismo" se espalhou de forma grandiosa, causando vários conflitos com os católicos, que com a livre interpretação e a tradução da bíblia, teriam menos poder sobre os fiéis (resposta de uma questão do P.E).
  No entanto, tal conflito terminou apenas em 1555, quando um acordo foi assinado. Tal acordo dizia que a nobreza tinha direito de impor sua religião a seus súditos.



Reforma Anabatista

  Criada por Thomas Munzer, um antigo luteranista, essa reforma teve como diferencial o ideal de que as riquezas e as terras deveriam ser distribuídas para os menos favorecidas, assim como a servidão deveria ser abolida. Ideias esses que tornaram essa reforma a mais "humana". 
  Thomas conseguiu muitos seguidores nas áreas rurais, entre a população menos favorecida. Para chamar a atenção da alta nobreza e do clero, os Anabatista começaram com campanhas de invasão e destruição de castelos e igrejas, causando grandes prejuízos. Por causa de tais prejuízos, a nobreza começou uma grande repressão agressiva, que matou a maioria dos Anabatistas, incluindo Thomas.
  Lutero afirmou que para manter a ordem social, a repressão foi uma medida drástica, mas necessária.

OBS: São chamados de anabatista porque eles acreditavam que o batismo só deveria ser realizado em adultos conscientes.

Reforma Calvinista

  Calvino, líder da Reforma Calvinista também era um protestante, mas que discordava de Lutero em uma coisa: Calvino acreditava na predestinação.
  Calvino acreditava que todos já nasciam predestinados, e que a salvação era apenas um reflexo disso. Ele afirmava que a riqueza era um sinal de bênção divina. Ou seja, se você trabalha e, prospera, ou até mesmo já nasce rico, é porque Deus está a seu favor (may the God be ever in your favor, hahahaha). Calvino também acreditava no lucro. E, foi exatamente por isso, que ele teve um grande apoio da Burguesia (que não podia ter lucro, já que a Igreja repreendia), que via chance de ter comércio livre.
  Por essa e por outras, a Reforma calvinista é conhecida por uma descrição: "a ética protestante e o espírito do capitalismo".



Reforma Anglicana

  A Reforma Anglicana, foi criada pelo rei Henrique VIII, que tinha o objetivo de recuperar terras e tesouros da Igreja e, cancelar o seu casamento.
  A história é a seguinte: querendo mais poder para o Estado, para que a influência Espanhola diminuísse, o rei confiscou as terras da Igreja, causando assim um desentendimento com o Papa. Tal desentendimento só se tornou pior quando Henrique VIII pediu a anulação do seu casamento com Catarina de Aragão. Quando tal pedido foi recusado, Henrique criou uma igreja, a Igreja Anglicana, onde ele poderia cancelar o casamento. Logo após, ele criou o Ato de Supremacia, que dava ao Estado o controle da Igreja. Ou seja, ele tinha o controle do Estado e da Igreja, podendo assim cancelar quantos casamentos ele quisesse (o que aconteceu). Após essa criação, ele foi capaz de cancelar seu casamento e, recuperar grande parte das terras da Igreja na Inglaterra. 
  A Igreja Anglicana possuía seus ideais quase iguais aos da Católica. As diferenças estavam na permissão do cancelamento de um casamento, a tradução da Bíblia e, a eliminação do culto à imagens e santos.


Contra-Reforma (Reação Católica)

Em resposta às diversas reformas que aconteciam por toda a Europa, o papa Paulo III decidiu reunir as autoridades religiosas no Concílio de Trento, que se reuniu por 18 anos. As principais medidas realizadas em tal concílio foram:
  • Moralização da Igreja. Alguns bispos, cardeais, etc foram expulsos de seus cargos por denúncias que afetavam sua moralidade. Após várias demissões, decidiu-se que a Igreja pararia com a venda de indulgências e, com a Simonia. Ficou definido também que para alguém trabalhar com religião, essa pessoa deveria ter uma boa reputação moral.
  • Reafirmação dos Dogmas. As ideologias tradicionais da Igreja continuaram e, ficaram mais fortes. Ex: celibato clerical.
  • O Tribunal de Santo Ofício. Também conhecido como Santa Inquisição, o Tribunal Católico era um tribunal que julgava crimes contra o catolicismo, torturava e executava infiéis.
  • Index. O Index Prohibitorum era a lista de livros proibidos para os católicos. Muitas vezes eram destruídos, outras vezes eram arquivados.
Algo que também deve ser lembrado é a Companhia de Jesus, conhecido por muitos como Exército Cristão. Foi um "exército" que foi responsável por catequizar continentes como América, Ásia e África.


João Krauss

IT'S A TRAP - Renascimento Artístico e Científico

  O Renascimento Artístico e Científico aconteceu na época de transição de feudalismo e capitalismo e, marca o início do Estado Moderno.
  A principal inspiração para tal movimento foi a cultura greco romana, sendo assim um movimento que "resgatou" a Antiguidade Clássica.
  O berço desse movimento foi a Itália (Península Ibérica) graças à sede do Vaticano, e das grandes atividades urbanas. Isso é, eram nas cidades que se apresentavam a burguesia, principal apoiadora do movimento.
  O Renascimento foi um movimento que mudou a forma de pensar do homem da época. E, aqui se apresentam suas principais características:

  • Humanismo. Isso é, a valorização do homem. O humanismo é caracterizado por aqueles que buscam analisar problemas sociais de forma crítica, usando a racionalidade e a individualidade.
  • Antropocentrismo. Na Idade Média, a sociedade era uma sociedade controlada pela Igreja e, por isso, era Teocentrista. Como o principal motivador do movimento é a crítica contra a Igreja, surgiu um questionamento sobre essa ideologia teocentrista. Então, começou-se a estabelecer que quem estava no centro de tudo era o homem, pois ele poderia modificar a natureza para colocá-la em seu favor.
  • Racionalismo. Obviamente, é o uso da razão e do senso crítico na análise de situações sociais e acontecimentos. Está estreitamente relacionada à ciência.
  • Hedonismo. Isso é, a busca pelo prazer e a valorização das sensações humanas. Desde que com moderação.
  • Individualismo. Esse tópico é muito confundido. Individualismo não significa algo como "cada um por si". Individualismo significa, por exemplo, uma interpretação da bíblia, defendendo que ela possa "tocar" cada um de formas diferentes.
  O Renascimento é um movimento conhecido como artístico e científico. E, aqui se apresenta os maiores avanços e mudanças nessas duas áreas:
  • Ciência: foi nessa época, que com a ajuda do racionalismo, houve um enorme desenvolvimento científico. Cada vez mais eram feitos estudos para provar coisas do universo. Foi aí também que se desenvolveu os experimentos como forma de verdade.
  • Arte: com o humanismo e antropocentrismo, os temas e as formas de arte mudaram. Como o humano era o centro de tudo, ele deveria ser representando em sua real forma, ou seja, nu. Por causa disso, cientistas e artistas tiveram enormes avanços no campo da anatomia. Já que eles tinham que representar o ser humano perfeitamente, era necessário saber todas suas propriedades. OBS: Foi no renascentismo que se popularizou a pintura a óleo.
  Existem também 4 meios que são conhecidos como os meios pelos quais o Renascimento foi propagado. São eles:
  • Mecenato: Buscando maior liberdade não só comercial, mas social, a burguesia começou a apoiar as ideias renascentistas. Foi assim, que foi criado o mecenato. Os mecenas são burgueses artistas que pro meio da arte, disseminavam as ideias renascentistas.
  • Imprensa: Criada por Gutemberg, a imprensa foi bastante importante para o Renascentismo. Primeiramente, as notícias se espalhavam mais rápido: um número maior de pessoas tinha acesso a um número maior de conhecimento e informação em um espaço de tempo menor. Além disso, a Igreja não era mais capaz de realizar a censura.
  • Eruditos de Constantinopla: Foram intelectuais que fugiram da Turquia e buscaram abrigo na Península Ibérica. Entrando em contato com um novo povo, os europeus podiam abrir horizontes pra outros conhecimentos, outras cultuas.
  • Expansão Marítima: Assim como o item anterior, por meio da Expansão Marítima, os europeus entravam em contato com outros povos, tendo assim mais conhecimento e informação.


Gutemberg

João Krauss

sábado, 3 de maio de 2014

Primeiro Post Educacional (IT'S A TRAP) - Alester Crowley, Exterminador e Terra

Primeiramente, gostaria de mandar um abraço pro eu do futuro, que vai estar lendo isso não sei quando. Espero que eu tenha tirado nota boa na prova de Biologia, e espero que você lembre o que esse código significa (provavelmente não).

E, também gostaria de falar que finalmente tive coragem pra fazer isso aqui... Ideia que já tenho há um bom tempo! Aqui falarei sobre meus aprendizados no dia-a-dia... Coisas sobre a escola, sobre o que aprendi durante os estudos pra provas. Enfim, coisas que podem ser úteis ou  completamente inúteis no futuro.

OBS: Os textos poderão ser apenas sobre aquele dia, ou sobre algumas coisas que lembro ou etc. Como por exemplo, esse daqui.

Hoje, no dia 03/05/2014, não aconteceu muita coisa. Hoje, vi o episódio 21 de Agents of S.H.I.E.L.D... Muito legal, inclusive. Também fiz um Top 30 de filmes de super-heróis, depois de uma longa análise. Essa ideia nasceu de uma conversa que tive hoje com o meu professor de Geografia.

Hoje não aprendi nada... A única atividade de estudo que tive até agora foi praticar o texto do Book Report pro curso, além do surgimento de alguns problemas sobre o mesmo assunto... Descobri só que enrolações nesses textos podem ser uma grande estratégia para cumprir a quantidade de minutos necessária. Mas, por hoje foi só.

Mas, porém, contudo, todavia, no entanto, esse final de semana tive algumas oportunidades de aprendizado. Nada sobre a escola, apenas coisas extras:

Fiz mais uma vez, uma pesquisa sobre Alester Crowley e, pude descobrir como, e o que significa o Livro da Lei, assunto que voltou a nascer na minha mente por recentes discussões com amigos. O livro foi escrito pelo Crowley, contando com 220 vescículos... O livro todo defendia duas frases, sendo uma conhecida por mim pela música Sociedade Alternativa de Raul Seixas. A referida é: "Faze o que tu queres será o todo da Lei". Segundo Crowley, vários espíritos estavam tomando conta de sua mulher, que passava informações sobre coisas que ela nunca soube. Então, após vários acontecimentos do tipo, ele recebeu uma entidade chamada de Aiwass. A partir de então, ele passava uma hora por dia, retirado, a escrever o livro. Crowley também dizia que a presença da entidade era diferente dependendo do dia... Tinha vezes que ele só sentia, outras ele poderia perceber uma certa aparência. Sinistro, né? Talvez o mais contraditório sobre o livro é que nada do que está escrito nele é considerado satânico e, apoia apenas uma filosofia de liberdade. Há contradição também no que se diz respeito à voz do tal Aiwass... Muitos dizem que a voz poderia ser uma parte do subconsciente de Crowley... Pra não dizer que não aprendi nada hoje: pra dar uma relembrada no assunto e escrever aqui, acabei pesquisando sobre o Liber Oz, conhecido também como Livro 77, que é uma única página escrita por Crowley, que dizia as "regras" da liberdade do homem. Dizia metaforicamente que o homem tinha o direito de matar quem se opunha àquela regra. Mas, essa parte de matar, defendem alguns, é algo interno, algo como ignorar a pessoa que se opunha. Aí vai da interpretação de cada um... Dá uma olhada na foto da página! 

Depois de ficar louco, confuso e um pouco amedrontado, fui pesquisar sobre algo que tinha discutido com outro amigo no mesmo dia... Fui pesquisar sobre a origem do Exterminador. E, acabei lendo várias histórias dele. Primeiramente, aprendi como ele perdeu o olho: uma vez, alguém sequestrou o filho dele, em troca de informações sobre um contratante dele. Isso, no entanto, ia de desacordo com seu código. Então, ele simplesmente foi lá e matou geral, mas não conseguiu impedir que um dos bandidos cortasse as cordas vocais do filho dele. Chegando em casa, a mulher dele (que não sabia que ele era mercenário) pegou uma arma e atirou nele. A bala acertou o olho direito dele... E, tarâ! Assim sabemos porque ele não tem olho!! Li também sobre algumas vezes que ele ajudou os Titãs... E, sobre seus filhos, que seguiram seus passos. Sendo que um deles, foi possuído por uma força e, foi sequestrando os titãs. Mas, o Exterminador foi lá e matou ele. Só que, depois, descobriu-se que ele passou a consciência pro Exterminador e, o obrigou a fazer várias coisas doidas. Só que aí, de algum modo, ele conseguiu voltar pro corpo dele (eu acho). 

Li também algumas coisinhas sobre o Capitão América, sobre a origem dele... Mas, nada demais...! Ah, acabei de lembrar: li também sobre a Terra. E, lendo, descobri como a série dos Jovens Titãs era fiel. Nos quadrinhos, aconteceu exatamente como na série: Terra era uma espiã de Slade, que acabou se suicidando (resumidamente, é claro).

Também no final de semana, vi O Espetacular Homem-Aranha 2, que é um bom filme. E, fiquei muito empolgado com a cena de X-Men Dias de um futuro Esquecido, que passou após os créditos. Foi simplesmente demais! As participações de Groxo, Mística, Destrutor e até mesmo do William Stryker. Mas, também percebi que o filme parece estar muito corrido. A cena foi muito rápida, de modo que eu não tenha a entendido muito bem.

Ahhh! Hoje eu ouvi o Nerdcast sobre Deep Web, que na verdade, não tem muita coisa sobre a Deep Web. Fiquei ainda mais confuso sobre o que é Bitcoin, mas me diverti bastante e, deu pra dar muita risada ;D




quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Ausência


Não que alguém perceba ou ligue, mas eu tenho um aviso sobre ausência para dar...

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Harry Potter e a Câmara Secreta: Edição Definitiva (Parte 1)


Olá pessoal! Hoje estou aqui pra fazer um post diferente! Hoje estou aqui pra falar o quão maneiro é Harry Potter e a Câmara Secreta: Edição Defnitiva.

Pra quem não sabe, as edições definitivas são coleções de todos os filmes da saga Harry Potter em um pacote especial, contendo no mínimo três DVDs. A edição de Harry Potter e a Câmara Secreta apresenta 4 discos: O Filme, O Filme Versão Estendida, Informações Especiais, Criando o Mundo de Harry Potter, além de um livrinho exclusivo com fotos exclusivas e informações. Então, hoje vou comentar sobre três desses DVDs aqui!

sábado, 11 de janeiro de 2014

Minhas Apostas para o Globo de Ouro 2014


Nesse domingo (dia 12) vai acontecer a cerimônia de entrega do Globo de Ouro 2014. Então, hoje eu darei minhas torcidas e apostas para os indicados:

Melhor filme (drama):

12 Anos de Escravidão
Capitão Phillips
Gravidade
Philomena
Rush - No Limite da Emoção 

Na categoria de melhor filme de drama, eu e acho que a maioria, aposta que o filme que vai vencer é 12 Anos de Escravidão, que recebeu só elogios da crítica pelo filme, pelas atuações e, etc. Dos indicados, infelizmente eu só vi Capitão Phillips, que é um filme muito bom. Mas, aposto que todos os outros são melhores (kkkkk!). No Brasil (como sempre), os filmes Philomena e 12 Anos de Escravidão só chegam em fevereiro. Por causa disso, não posso dar uma opinião realmente de qual é melhor.  Tenho que mostrar minha surpresa pela indicação de Rush, filme que não era muito esperado e, que surpreendeu a todos.




--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor filme (musical/comédia):

Trapaça
Ela
Inside Llewyn Davis - Balada de um Homem Comum
Nebraska
O Lobo de Wall Street

Nessa, não tenho uma aposta certa. Eu fico entre Trapaça ou O Lobo de Wall Street. Depois de O Vencedor e O Lado Bom da Vida, David O. Russell virou meio que o "queridinho" de Hollywood, e as críticas desse filme são ótimas, além de quase todo o elenco ser indicado. Em questão de O Lobo de Wall Street, é um filme de Martin Scorsese, por isso, há sempre uma chance. Nenhum desses filmes chegou no Brasil, por isso, não posso dizer qual é meu favorito. Tenho que dizer que fiquei surpreso pela não indicação da de Clube de Compras Dallas





--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor ator (drama):

Chiwetel Ejiofor - 12 Anos de Escravidão
Idris Elba - Mandela: Long Walk to Freedom
Tom Hanks - Capitão Phillips
Matthew McConaughey - Clube de Compras Dallas
Robert Redford - All is Lost

Minha aposta nessa categoria é Chiwetel Ejiofor ou Matthew McConaughey pelos elogios da crítica sobre a atuação deles. A única atuação que eu conferi é a do Tom Hanks, que é realmente muito boa. Sem dúvidas, ele mereceu a indicação, mas não acho que vá vencer. A atuação de Robert Redford foi bem elogiada, já que o filme pelo qual foi indicado só tem ele no elenco. E, dizem que a atuação dele segurou o filme. E, isso é uma coisa difícil. Fiquei feliz também pela indicação do Idris Elba




--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
  Melhor atriz (drama):

Cate Blanchett - Blue Jasmine
Sandra Bullock - Gravidade
Judy Dench - Philomena
Emma Thompson - Walt nos Bastidores de Mary Poppins
Kate Winslet - Refém da Paixão

Nessa categoria eu também não posso falar quem é a melhor, pois não vi nenhum desses filmes. Mas, eu aposto que a Sandra Bullock leva. A crítica diz que a atuação dela foi ótima, então... Esse é meu palpite!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 Melhor ator (musical/comédia):

Christian Bale - Trapaça
Bruce Dern - Nebraska
Leonardo Dicaprio - O Lobo de Wall Street
Oscar Isaac - Inside Llewyn Davis - Balada de um Homem Comum
Joaquin Phoenix - Ela

Dessa categoria, eu também não vi nenhum filme. Mas, a minha aposta é em Christian Bale. Joaquin Phoenix foi indicado pela segunda vez seguida, mas acho que não ganha. Acho que depois de Christian Bale, quem tem mais chance de ganhar é Bruce Dern.
 



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor atriz (musical/comédia):

Amy Adams - Trapaça
Julie Delphy - Antes da Meia-Noite
Greta Gerwig - Frances Ha
Julia Louis-Dreyfus - À Procura do Amor
Meryl Streep - Álbum de Família

Minha aposta e, minha torcida é pra Meryl Streep. Com 17 indicações ao Oscar e, 28 indicações ao Globo de Ouro. A atuação dela no filme Álbum de Família é simplesmente espetacular! Eu fiquei super encantado. Com esse tanto de indicação, não é pra menos. A minha aposta é totalmente nela, assim como minha torcida. Tirando ela e Amy Adams, fiquei surpreso com a indicação das outras atrizes, que pelo visto, ninguém esperava.




--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 Melhor ator coadjuvante:

Barkhad Abdi - Capitão Phillips
Daniel Bruhl - Rush - No Limite da Emoção
Bradley Cooper - Trapaça
Michael Fassbender - 12 Anos de Escravidão
Jared Leto - Clube de Compras Dallas

Dessa lista, a única que eu conferi foi do Barkhad Abdi, que como primeiro filme, foi espetacular atuando. Mas, provavelmente não vai ganhar. Eu aposto em Michael Fassbender ou Bradley Cooper, que também se tornou queridinho. Fiquei surpreso pela indicação de Daniel Bruhl.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor atriz coadjuvante:

Sally Hawkins - Blue Jasmine
Jennifer Lawrence - Trapaça
Lupita Nyong'o - 12 Anos de Escravidão
Julia Roberts - Álbum de Família
June Squibb - Nebraska

Dessas atuações, a única que tive oportunidade de ver até agora foi a atuação ESPETACULAR de Julia Roberts em Álbum de Família. Ela é minha preferida, pena que não posso dizer o mesmo em questão de ser a vencedora. Mas, se não for ela, eu torço para a queridinha de toda Hollywood e, de todo o mundo Jennifer Lawrence.
 



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor diretor:

Alfonso Cuáron - Gravidade
Paul Greengrass - Capitão Phillips
Steve McQueen - 12 Anos de Escravidão
Alexander Payne - Nebraska
David O. Russell - Trapaça

A única direção que testemunhei foi a de Paul Greengrass, e eu não achei nada demais. É boa, mas não acho que ganha. Minha aposta vai em Alfonso Cuaron, muito elogiado por todos os críticos, ele é o favorito.  Mas, acho que se não for ele, vai Steve McQueen.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor roteiro:

Spike Jonze - Ela
Bob Nelson - Nebraska
Jeff Pope Steve - Philomena
John Ridley - 12 Anos de Escravidão
David O. Russell - Trapaça

Nessa, eu acho que vai Ela ou Nebraska, só por que acho que são as melhores histórias e, por isso, acho que merecem melhor roteiro.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor filme em língua estrangeira:

Azul é a Cor Mais Quente (Alemanha)
A Grande Beleza (Itália)
A Caça (Dinamarca)
O Passado (Irã)
Vidas ao Vento (Japão)

Desses, qual eu vi mais elogios foi o Azul é a Cor Mais Quente. Vários elogios ao filme, atuações e, etc. A atriz Adéle Exarchopoulos é apontada como a "atriz do momento". Se não for essa, acho que vai A Grande Beleza.



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 Melhor longa animado:

Os Croods
Meu Malvado Favorito 2
Frozen - Uma Aventura Congelante

Desses, eu vi Os Croods e Frozen e, vi algumas partes de Meu Malvado Favorito 2, mas não posso dizer que assisti o filme, já que eu não prestei muita atenção. Mas, dos dois que eu vi, eu prefiro Os Croods. Mas, aposto que quem vai ganhar é o Frozen, já que é um filme da Disney.



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor trilha sonora original:

All is Lost
Mandela: Long Walk to Freedom
Gravidade
A Menina que Roubava Livros
12 Anos de Escravidão

Nessa, eu aposto em Gravidade, pelos ótimos elogios. A maioria das críticas dizem que a trilha sonora é que dá o suspense do filme. Então, minha aposta é em Gravidade.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor canção original:

"Atlas" - Jogos Vorazes: Em Chamas
"Let it Go" - Frozen - Uma Aventura Congelante
"Ordinary Love" - Mandela: Long Walk to Freedom
"Please Mr. Kennedy" - Inside Llewin Davis - A Balada de um Homem Comum
"Sweeter Than Fiction" - One Chance

Nessa, eu torço para Let it Go, que é uma música bastante legal. E, a minha aposta também vai pra Let It Go, já que é da Disney e, sendo da Disney, é um ponto extra. Devo dizer que nem conhecia esse filme One Chance.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor série (drama):

Breaking Bad
The Good Wife
House of Cards
Master of Sex
The Newsroom

Minha torcida pra essa é óbvia: Breaking Bad. E, minha aposta obviamente é pra Breaking Bad também. Além de ser a mais elogiada por todos, ganhou o Emmy. Além da qualidade da série, é a mais elogiada e a favorita para essa categoria.

 

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor atriz em série dramática:

Tatiana Maslany - Orphan Black
Taylor Schilling - Orange is the New Black
Kerry Washigton - Scandal
Robin Wright - House of Cards
Julianna Margulies - The Good Wife

Nessa, eu fiquei chateado e surpreso pela atriz Anna Gunn, de Breaking Bad não ter sido indicada. Além de estar ótima na quinta temporada, ela ganhou o Emmy. Então, é surpreendente ela não estar indicada. Essa, eu não tenho aposta, pois eu nunca vi nenhuma das atrizes atuando.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor ator em série dramática:

Liev Schreiber - Ray Donovan
Bryan Cranston - Breaking Bad
Michael Sheen - Masters of Sex
Kevin Spacey - House of Cards
James Spader - The Blacklist

O meu favorito e, acho que de todos é Bryan Cranston, novamente de Breaking Bad. Ele era favorito no Emmy, e perdeu para Jeff Daniels que nem foi indicado. Portanto, ele é o favorito. Achei legal o Liev Schreiber ser indicado, assim como o Jame Spader, que me impressionou nas chamadas que eu vejo na Sony.



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor série (comédia/musical):

The Big Bang Theory
Brooklyn Nine-nine
Girls
Modern Family
Parks and Recreation

Acho que o favorito de todos e, o óbvio é The Big Bang Theory. Eu nem tinha ouvido falar dessa série Brooklyn Nine-nine

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor atriz em série musical ou de humor:

Zooey Deschanel - New Girl
Julia Louis-Dreyfus - Veep
Lena Dunham - Girls
Edie Falco - Nurse Jack
Amy Poehler - Parks and Recreation

Essa eu também não tenho aposta, já que não vejo nenhuma série de humor ou musical. Seria interessante se a atriz Amy Poehler ganhasse, já que vai ser a apresentadora da cerimônia.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Melhor ator em série musical ou de humor:

Jason Bateman - Arrested Development
Don Cheadle - House of Lies
Michael J. Fox - The Michael J. Fox Show
Andy Samberg - Brooklyn Nine-nine
Jim Parsons - The Big Bang Theory

Nessa, o favorito sem dúvidas é o Jim Parsons, que já venceu uma vez. No entanto, apesar de não ver nenhuma das séries, eu torço para o nosso querido Michael J. Fox.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor minissérie ou telefilme:

American Horror Story: Coven
Minha Vida com Liberace
Dancing on the Edge
Top of the Lake
The White Queen

Não vi nenhum desses, mas o favorito do povo e dos críticos é Minha Vida com Liberace (Behind the Candelabra).



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
                      Melhor atriz coadjuvante em série, minissérie ou telefilme:

Hayden Panettiere - Nashville
Monica Potter - Parenthood
Janet McTeer - The White Queen
Jacqueline Bisset - Dancing on the Edge
Sofia Vergara - Modern Family

Essa eu também não faço nenhuma ideia, mas o único nome que eu conheço é Sofia Vergara.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- 
Melhor ator coadjuvante em série, minissérie ou telefilme:

Josh Charles - The Good Wife
Rob Lowe - Minha Vida com Liberace
Aaron Paul - Breaking Bad
Corey Stoll - House of Cards
Jon Voight - Ray Donovan

A minha torcida e minha aposta vão para Aaron Paul, novamente, de Breaking Bad. Além de ser elogiado por toda crítica, ele já ganhou dois Emmys. Perdeu o de 2013 para um ator que nem está concorrendo, sendo que ele era o segundo favorito. Portanto, eu acho que ele ganha. Tenho que dizer também que acho que faltou uma indicação a Jonathan Banks, que interpreta o Mike, de Breaking Bad.


 

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Melhor atriz em uma minissérie ou telefilme:
Helena Bonham Carter - Burton & Taylor
Rebecca Ferguson - The White Queen
Jessica Lange - American Horror Story: Coven
Helen Mirren - Phil Spector
Elizabeth Moss - Top of the Lake

Bom... Minha atriz favorita está concorrendo. Então, minha torcida é obviamente para Helena Bonham Carter, que está ótima como Elizabeth Taylor. Nessa, eu não tenho ideia de quem pode vencer, mas acho que a Helena tem muitas chances.



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Melhor ator em uma minissérie ou telefilme:
Matt Damon - Minha Vida com Liberace
Chiwetel Ejiofor - Dancing on the Edge
Idris Elba - Luther
Al Pacino - Phil Spector
Michael Douglas - Minha Vida com Liberace

Nessa categoria, temos a segunda indicação de dois astros: Chiwetel Ejiofor e Idris Elba. Nessa, acho que ou ganha Michael Douglas ou Matt Damon, mas minha torcida vai para Al Pacino.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------





Então é isso pessoal... Essas foram minhas apostas e torcidas para o Globo de Ouro 2014! O que você acha? Quem você acha que vai ganhar? Comente!

E, sem dúvidas, vou voltar a falar do Globo de Ouro aqui no blog. Nem que seja um pequeno post em algum Daily Post. Obrigado!